pexels-fauxels-3184418

4 dicas básicas para ajudar a sua equipe a vender mais

[vc_row][vc_column][vc_column_text]Vamos dar 4 dicas simples mas que podem trazer um enorme resultado: metas e estratégia, apoio para a equipe, monitoramento da equipe e incentivos para quem bate as metas.

Não é raro encontrar uma empresa com enorme potencial de venda, mas sem uma equipe organizada o suficiente para trazer os resultados necessários. Em quase 90% dos clientes que atuamos percebemos uma grande dificuldade em aumentar as vendas, a boa notícia é que alguns erros são bem fáceis de resolver, vamos dar 4 dicas simples mas que podem trazer um enorme resultado: metas e estratégia, apoio para a equipe, monitoramento da equipe e incentivos para quem bate as metas.

1º Meta e estratégia:

A estratégia é coisa mais importante na empresa, é sua essência e razão de existir, se ela não estiver bem decidida e clara na cabeça da sua equipe podemos ter pessoas indo em direções contrárias, a única coisa que une pessoas diferentes são objetivos em comum. Qual é o objetivo da sua empresa? Ela existe para quê? Em que direção estamos indo? São algumas perguntas que devem ser respondidas na definição de uma estratégia.

Uma vez definida a estratégia, temos que ter metas que nos leve a esta estratégia, a meta tem que ser clara e divulgada a sua equipe, quem não tem uma meta qualquer número serve? Se a sua equipe não tem uma meta você não está sendo claro de onde eles devem chegar. Uma meta pode ser de quantidade de produto a ser vendido, de valor ($), de quantidade de clientes novos e etc…

 Apoio para a equipe na busca das metas:

Por incrível que pareça muitos vendedores que até foram bem-sucedidos no passado, que já vendem há anos, não conseguem atingir as metas sozinhos, normalmente eles seguiam a “receita do bolo” da empresa anterior, ai te pergunto: vc tem uma “receita do bolo”? Qual é o roteiro de sucesso para vender na sua empresa? Vou dar um exemplo: em certa empresa levantamos todo potencial por cidade, dividimos as regiões por canal de vendas e entregamos a lista de clientes a serem abordados por região e a exata argumentação que deveriam usar. Sozinhos os vendedores não conseguiam um bom aproveitamento. O vendedor não pode jamais sair de manhã e ainda estar decidindo para que lado vai!

 Monitorar sua equipe:

uma vez entregue a cada membro da equipe sua meta e como ele vai buscar esta meta (os meios) é hora de monitorar e apoiar diariamente ou semanalmente, depende da maturidade da equipe e do tipo de operação. Equipe sozinha na rua ou atrás de um computador tende a produzir menos e perder o foco, é necessário um acompanhamento sistemático para cobrar as metas, a agenda dia a dia e talvez o mais importante que é dar o apoio ao vendedor na busca, na formação da agenda e roteiro de visitas ou ligações, no potencial de venda por cliente, por cidade. Somente “estalar o chicote” não adianta, temos que ajudar e apoiar, também é muito importante ir a campo junto aos seus vendedores e entender os clientes! Gerente “piloto de mesa de escritório” não rola! Aconselhamos a criar uma reunião sistêmica com Ata, data e hora fixos, recomendamos também separar as reuniões por equipe de líderes para melhor aproveitamento. Nestas reuniões deve-se sempre anotar as pendências e tudo que for combinado para na próxima reunião verificar se cada um cumpriu com sua parte, criando assim um ciclo virtuoso na gestão.

 Crie desafios e competições:

O ser humano é competitivo e gosta de ser premiado e reconhecido quando supera as expectativas, então crie incentivos e premiações para quem ultrapassa a meta estipulada. Fique de olho no mercado, quanto estão remunerando lá fora, senão sua equipe pode ir embora para o concorrente se você estiver fora.

Com essas dicas simples, para muitos, já é o suficiente para fazer as vendas decolarem, lógico que existem mais fatores que influenciam as vendas talvez até mais relevantes em alguns casos, como por exemplo: a estratégia de preço e custo do produto, o marketing, a embalagem, a estratégia de mercado e região e etc….

Meu nome é Sandro sou co-fundador da Consulting Blue, faço consultoria de gestão para empresas de pequeno, médio e grande porte há mais de 10 anos.

Se gostou da matéria e ainda precisa de ajuda para mudar o rumo da sua empresa nós podemos te ajudar, procure a Consulting Blue, temos soluções em consultoria na área Comercial, Financeira e Operacional para todos os portes e segmentos de empresas. Acesse nosso site e saiba mais: consultingblue.com.br

Adicionar Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *