Confident business lady in glasses and suit holding tablet, touching chin and looking at camera. Two businessmen working behind glass wall. Copy space. Communication concept

DRE: 3 perguntas frequentes sobre como ele pode ajudar seu negócio a crescer

Confident business lady in glasses and suit holding tablet, touching chin and looking at camera. Two businessmen working behind glass wall. Copy space. Communication concept

1 – Por que o DRE é importante para qualquer negócio?

O Demonstrativo de Resultado de Exercício (DRE) é um documento que concentra todos os compromissos fiscais, administrativos e comerciais dos negócios.

Essa estrutura é imprescindível para que o proprietário tenha a visão geral do empreendimento, o que ajuda a calcular riscos e investimentos de maneira mais objetiva, resultando em estratégias de retorno reais.

 

“O DRE é uma base que permite uma “briga justa” por espaço no mercado, que só é possível quando ele é usado para desenvolver um planejamento estratégico eficiente”, Sandro Zambelli, diretor comercial Consulting Blue

 

2 – Quais as vantagens do DRE?

Esse documento permite que o empreendedor veja seu negócio de “cima”.

Com ele os donos de um negócio identificam temporadas de crescimento e queda de produção, podendo prever e se preparar para períodos de baixa ou alta demanda.   

DRE é a alma de todo planejamento empresarial

Ele auxilia a construir uma visão estratégica; da contratação de novos colaboradores à compra de produtos e insumos.

A análise correta pode ajudar a identificar novas direções, como a hora certa para colocar um novo produto no mercado ou desacelerar investimentos e descontinuar produtos e projetos que não garantem retorno.

Ter o DRE estruturado garante o conforto de saber como, quando e onde investir, evitando que sua empresa seja abalada por qualquer ventania.

3 – O que acontece com empresas que não fazem o DRE?

  • Têm muito mais chance de fechar nos 5 primeiros anos de atividade;
  • Tendem a perder todo o investimento feito ao longo dos anos, muitas vezes com capital retirado de familiares e amigos;
  • O encerramento precoce do negócio gera a fadiga de resolver pendências jurídicas o que atrapalha o processo de abertura de novos negócios,
  • Mesmo com o fracasso do negócio o empreendedor muitas vezes volta para o ramo, mas precisa recomeçar toda a caminhada que poderia ter sido evitada com o planejamento estratégico de ações.

Bônus

Por que começar a fazer seu DRE com a Consulting Blue?

Em 15 anos a Consulting Blue já ajudou mais de 300 empresas a se reestruturar e a base para que isso ocorra é entender a necessidade do Demonstrativo de Resultados.

“O DRE é o principal instrumento de gestão das empresas. Através dele é possível organizar informações para criar uma trajetória personalizada”, Fernando Koshiba, diretor operacional Consulting Blue.

É ele que permite confrontar possíveis dificuldades que o negócio pode enfrentar o que facilita a implantação de um plano de contenção de riscos.  

Também é por causa dele que é possível comparar o histórico da empresa para poder melhorar resultados.

“Ele dá visão vertical e horizontal do negócio. Também dá base sobre preço e precificação correta dos produtos. O DRE também facilita a previsão de margens de lucro com precisão matemática, por exemplo: de 19,3%”, Fernando Koshiba.

O DRE é o documento mais importante para o seu negócio determinar investimentos em custos comerciais e administrativos.


Você também pode aproveitar gratuitamente outros conteúdos pensados para ajudar o seu negócio.

Claro que se tiver alguma dúvida pontual, pode falar com um dos nossos consultores. 

Siga nossa consultoria nas redes sociais

Fale com a gente:

Instagram

Facebook

Site Consulting Blue

 

Você também pode gostar de:

Como a gestão pode conter problemas financeiros na empresa

Como aumentar as vendas pela internet

 

Imagens: Freepik

blog

O que fazer quando a equipe não atinge as metas

O primeiro pensamento de empresários quando não atingem metas de venda, é demitir ou punir algum dos colaboradores da equipe que estejam supostamente atrapalhando o desenvolvimento da empresa.

Mas para encontrar o culpado pela estagnação ou queda das metas, é necessário fazer o check-up da marca e de seus processos primeiro.

É preciso olhar através de diversos ângulos antes de tomar medidas drásticas.

Pergunte-se:

1 – Qual é o legado da minha liderança? Eu sou um bom líder?

2 – Meu produto é bom, atrativo e competitivo para o mercado?

3 – Minhas metas são realizáveis e estão claras para todos?

4 – Existe algum problema de processo que dificulta a entrega de resultados?

5 – Existe algum problema na qualidade do produto ou serviço?

6 – Os funcionários estão satisfeitos e motivados?

7 – Existe um problema de força maior? (saúde ou cenário financeiro mundial)

8 – Como posso atravessar obstáculos?

 

Mesmo assim minha equipe não atinge as metas

Para que o empresário continue tendo uma presença significativa e de potencial concorrência no mercado ele também precisa ser honesto com a sua gestão, além de fortalecer o relacionamento da equipe.

Entenda a importância do feedback

Conhecer o que está fazendo, para quê e para quem motiva a atingir metas.

Por isso é importante que sua empresa realize avaliações comportamentais e de resultados. Essas são ótimas ferramentas de gestão para extrair os melhores resultados na sua equipe, porque esse processo troca experiências e contorna objetivos para cada membro da equipe.

Se você for um líder democrático, coach ou liberal, este é o momento de ouvir as insatisfações da equipe e buscar uma forma de atravessá-las.

Procure entender se a equipe pode não estar atingindo metas porque um membro dela compromete a entrega desses resultados; ou porque outro colaborador tem dificuldade para se submeter à hierarquia, ou não possui conhecimentos específicos para determinadas tarefas e cargos.

Conversar com a equipe é o primeiro passo para entender os problemas pela perspectiva de quem faz parte da produção e distribuição dos seus produtos.

Problemas de produto

Se mesmo depois alinhar e fazer o raio x de toda a equipe, as metas ainda não estarem sendo atingidas é hora de rever o seu plano de negócios ou consertar alguma falha de produto.

Existem alguns fatores que podem ocasionar a queda das vendas e consequentemente a descontinuação de um produto ou serviço, a Consulting Blue destaca três problemas clássicos de produto.

1 – Preço
2 – Demanda

3 – Falta de Diferencial competitivo

Meça a temperatura do mercado em que sua empresa atua e em último caso opte por uma estratégia de vendas que atinja novos mercados ou clientes com maior potencial para que você e sua equipe possam atingir as metas de vendas.

Síntese: Segredo para atingir metas

  • Reflita sobre a sua marca, estipulando metas e objetivos claros e realizáveis, inclusive para o período de queda de vendas e baixa demanda, que deve constar no calendário da empresa;
  • Implante e pratique um sistema de retorno sobre ações da equipe, o conhecido “feedback” (semanais ou até diários) neste momento discuta: a meta x realização de cada indivíduo da equipe, suas dificuldades e sua agenda de trabalho para mensurar se ele está no caminho certo;
  • Pratique a liderança servidora, somente cobrar não é suficiente, é preciso dar apoio e orientar a equipe na busca do sucesso nas vendas,
  • Analise constantemente seus produtos e metas comerciais.

 

O planejamento estruturado é a base para conseguir equilibrar margens de lucro e metas em épocas de baixa procura ou de quebra de rendimento.

Feito isso é possível coordenar novas ações, mirar novos mercados, criar novos produtos ou encontrar novos públicos.

home office

10 Dicas de como manter a produtividade no home office

Mais de 4 milhões de pessoas já realizavam o trabalho remoto em 2018, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse método adotado recentemente por várias outras empresas é na verdade uma modalidade antiga para nós da Consulting Blue.

O home office mostrou que veio para ficar em vários segmentos e está sendo muito bem implantado no Brasil. Mas para que o rendimento da sua equipe não caia é importante se atentar a algumas dicas.

A Consulting Blue reuniu algumas recomendações do marketeiro Neil Patel e do médico Dráuzio Varella para que consiga atingir seu potencial e entregar suas tarefas com qualidade e dentro dos prazos:

1– Evite distrações como interrupção de familiares e pets. Construa um lugar calmo e silencioso para suas atividades;

2 – Invista na qualidade da internet e em backup, para não perder projetos caso ocorram imprevistos com seu equipamento;

3 – Deixe todo o material de escritório sempre às mãos para não precisar sair do ambiente com frequência;

4 – Cumpra horários. É importante estabelecer limites para não prejudicar a vida pessoal;

5 – Faça alongamentos e pausas;

6 – Mantenha-se hidratado; ir ao banheiro regularmente e respeitar o horário de almoço;

7 – Ocupe as crianças da casa com brincadeiras para que não te interrompam;

8 – Realize chamadas de vídeo quando necessário para manter o contato com outras pessoas, essas interações são importantes,

9 – Tire o Pijama! Reconstrua a rotina do ambiente de trabalho.

10 – Planeja-se para manter a disciplina!

Apesar de o teletrabalho ser mais flexível, permitindo um pouco mais de liberdade, ele também precisa ser levado à sério como qualquer outro.

 

Enquanto no escritório tem a pausa para o cafezinho, em casa tem a pausa para o carinho no pet, a bronca no filho, o barulho intermitente de alguma obra civil que começa exatamente no início do seu expediente.

Esperamos que essas dicas tenham ajudado você a ser mais organizado e assertivo com o seu planejamento.